Pré operatório

A jornada para a cirurgia bariátrica começa antes do procedimento. Compreenda as etapas: da adaptação da dieta às consultas médicas, cada detalhe é projetado para maximizar a segurança e eficácia da sua transformação.
Um preparo pré operatório otimiza a segurança e os resultados na cirurgia. Geralmente solicita-se ao paciente uma pequena perda de peso antes da cirurgia. É realizado também uma série de exames, como endoscopia digestiva, ultrassom do abdômen e diversos exames laboratoriais.
Os exames laboratoriais deverão ser realizados com periodicidade para ser acompanhado o estado nutricional do paciente.

Informe seu e-mail e receba nosso e-book completo:


Primeira Etapa:
O Desafio da Dieta Líquida

Dieta Líquida: Pode durar de 1 a 3 semanas. Os alimentos devem ser totalmente líquidos, nas primeiras 48 horas devem ser claros, ingeridos em pouco volume (50ml) e lentamente. Pode ser a fase mais difícil da dieta.
A equipe multidisciplinar orienta individualmente sobre a ingestão dos suplementos alimentares, geralmente a orientação é ingerir polivitamínicos mastigáveis que facilite a deglutição. A ingestão de whey protein isolado (proteína do soro de leite) também é indispensável nessa fase.

Suplementos mais indicados para primeira etapa após a cirurgia bariátrica:

Segunda Etapa:
Avançando para a Dieta Pastosa

Dieta Pastosa: Tempo médio de 10 a 20 dias. Pequenas porções de alimentos com consistência de purê ou pudim sustentam sua nutrição. A suplementação e a hidratação continuam a ser pilares de sua recuperação, adaptando-se à sua nova capacidade digestiva.
Geralmente se mantém a indicação dos suplementos alimentares (pastilhas mastigáveis e whey protein).

Suplementos mais indicados para primeira etapa após a cirurgia bariátrica:

Terceira Etapa:
Introdução à Dieta Branda

Dieta Branda: Agora é a hora de acostumar-se novamente com a mastigação, com uma dieta que inclui saladas cozidas, carnes frescas bem cozidas e vegetais.
A equipe multidisciplinar orienta individualmente sobre a ingestão dos suplementos alimentares, nessa fase, caso o paciente já esteja com boa deglutição pode alterar a forma de apresentação do polivitamínico, como as cápsulas softgel, cápsulas ou comprimidos.

Suplementos mais indicados para primeira etapa após a cirurgia bariátrica:

Dieta regular

Alimentação onde a maioria dos alimentos são permitidos. A orientação nutricional continua sendo fundamental para garantir escolhas alimentares inteligentes, mantendo distância de alimentos processados e ricos em gorduras e açúcares. A suplementação diária permanece essencial para complementar sua dieta com os principais nutrientes: proteínas, vitamina A, vitamina D, vitamina B1 e B12, cálcio e ferro.

Suplementos mais indicados para primeira etapa após a cirurgia bariátrica:

FAQ - Pré-Operatório

Como me preparar para a cirurgia bariátrica?

A preparação para a cirurgia bariátrica envolve acompanhamento por uma equipe multidisciplinar, incluindo nutricionista, endocrinologista, cardiologista, psicólogo e fonoaudiólogo. Eles orientarão sobre mudanças significativas no estilo de vida, como adotar uma alimentação saudável e incluir exercícios físicos na rotina diária.

Quais exames e avaliações são necessários antes da cirurgia?

Antes da cirurgia, são necessários diversos exames, como análises laboratoriais, ultrassonografia abdominal, endoscopia digestiva e radiografia de tórax, para garantir que você esteja em condições adequadas para o procedimento.

Como devo ajustar minha dieta antes da cirurgia bariátrica?

O nutricionista fornecerá orientações detalhadas sobre a dieta pré-operatória, que pode incluir restrições calóricas para perda de peso. O foco estará em uma alimentação saudável e balanceada.

Quais medicamentos devo evitar antes da cirurgia bariátrica?

A equipe médica informará sobre medicamentos a serem evitados, como aspirina, gingko biloba, anticoncepcionais e terapias de reposição hormonal. Esta orientação é crucial para minimizar riscos durante e após a cirurgia.

Qual é o papel da consulta psicológica no pré-operatório?

A consulta psicológica é vital para avaliar a prontidão mental do paciente para a cirurgia. O psicólogo investiga possíveis transtornos alimentares, comportamentais, uso de substâncias e condições como depressão e ansiedade, determinando a aptidão do paciente para o procedimento.

Como deve ser a alimentação/suplementação nos primeiros dias após a cirurgia?

Nos primeiros dias após a cirurgia bariátrica, a dieta deve ser estritamente líquida, durando de 1 a 3 semanas. Inicialmente, os alimentos líquidos devem ser claros e consumidos em pequenos volumes (aproximadamente 50ml) e lentamente para evitar desconforto. A suplementação é uma parte crucial desta fase, com a equipe multidisciplinar geralmente recomendando polivitamínicos mastigáveis e whey protein para garantir uma nutrição adequada durante a recuperação.

Quando posso retomar atividades físicas após a cirurgia bariátrica?

A retomada das atividades físicas geralmente pode ocorrer após 60 dias da cirurgia. No entanto, é crucial seguir as orientações e avaliações da equipe médica para garantir que as atividades sejam retomadas de maneira segura e benéfica para o processo de recuperação e manutenção da saúde.

FAQ - Dieta Liquida

Quais são as etapas de progressão da dieta no primeiro mês?

No primeiro mês pós-cirurgia, a dieta evolui de líquida para pastosa, que dura cerca de 10 a 20 dias. Nesta fase, os alimentos devem ter uma consistência suave, similar a purê ou pudim, para facilitar a digestão e adaptação do estômago.

Qual a importância da hidratação no primeiro mês pós-cirurgia?

Manter-se hidratado é crucial no primeiro mês após a cirurgia. A hidratação adequada ajuda a sustentar as funções metabólicas do corpo, facilita a função intestinal, melhora a absorção de nutrientes e contribui significativamente para o processo de cicatrização.

Quais suplementos são necessários no primeiro mês pós-cirurgia?

Geralmente, recomenda-se a continuação dos polivitamínicos em forma de pastilhas mastigáveis, além de whey protein isolado, para assegurar o aporte necessário de vitaminas e proteínas.

FAQ - Dieta Pastosa

Quais mudanças alimentares ocorrem no segundo mês?

No segundo mês pós-cirurgia, a dieta evolui para a fase branda, que envolve alimentos de fácil mastigação, consumidos lentamente e em pequenas porções. Nesta etapa, são permitidos alimentos como saladas cozidas, carnes frescas cozidas e vegetais, proporcionando uma transição gradual para uma alimentação mais normal.

Como posso garantir a ingestão adequada de nutrientes?

Para assegurar uma nutrição adequada, é importante ter uma dieta variada, rica em diferentes tipos de alimentos. A suplementação continua sendo essencial nesta fase para prevenir deficiências nutricionais e garantir que todos os nutrientes necessários sejam consumidos.

Quais suplementos são recomendados no segundo mês?

Durante o segundo mês, é recomendada a continuação da suplementação com polivitamínicos, agora em formas variadas como cápsulas softgel, além de vitamina B12, cálcio com vitamina D, ferro e whey protein, para manter o aporte adequado de nutrientes essenciais.

Quais são os cuidados psicológicos necessários no segundo mês?

As consultas com o psicólogo devem continuar conforme a recomendação da equipe multidisciplinar. O acompanhamento psicológico é crucial para prevenir e tratar possíveis distúrbios emocionais ou comportamentais que possam surgir após a cirurgia, assegurando um apoio contínuo durante o processo de adaptação a novos hábitos alimentares e estilo de vida.

FAQ - Dieta Branda

Como deve ser a dieta e suplementação a partir do terceiro mês?

A partir do terceiro mês, a dieta torna-se regular, com a maioria dos alimentos sendo permitida. É fundamental continuar seguindo orientações nutricionais, priorizando uma alimentação saudável e evitando alimentos industrializados, ricos em gorduras e açúcares. A suplementação deve ser mantida para assegurar o consumo adequado de todos os nutrientes essenciais.

Como posso garantir a ingestão adequada de nutrientes?

Para assegurar uma nutrição adequada, é importante ter uma dieta variada, rica em diferentes tipos de alimentos. A suplementação continua sendo essencial nesta fase para prevenir deficiências nutricionais e garantir que todos os nutrientes necessários sejam consumidos.

Como lidar com possíveis deficiências nutricionais?

Para prevenir deficiências nutricionais, a suplementação diária de nutrientes-chave como proteínas, vitaminas A, D, B1, B12, cálcio e ferro é vital. Em caso de carências identificadas, o médico pode prescrever suplementos com concentrações maiores destes nutrientes.

Quais são as estratégias para manter a perda de peso?

Manter a perda de peso após a cirurgia bariátrica envolve acompanhamento nutricional contínuo para uma dieta equilibrada e personalizada, rica em macro e micronutrientes. Além disso, a prática regular de atividades físicas é essencial para manter o gasto calórico e colher os benefícios adicionais que os exercícios oferecem para a saúde geral.