Recentemente foram publicados vários estudos que comprovam que o estresse e o esgotamento físico e mental, principalmente no trabalho, são as principais causas que atrapalham o desempenho sexual. Um estudo realizado em Portugal constatou que homens entre 30 e 39 anos são os mais afetados pela baixo libido no momento de estresse, afetando os relacionamentos e convivência com a parceira (o).

Outras questões desgastantes também são responsáveis por contribuírem para essa disfunção, como falta de dinheiro, estresse no trabalho e vida social. Quando essas questões não são resolvidas podem afetar o desejo e disposição no sexo, isso porque níveis de testosterona (hormônio sexual masculino) são diminuídos nesse período.


Seu corpo precisa estar equilibrado para que você possa ter relações saudáveis, ter uma vida produtiva e evitar doenças. Em tempos modernos, as necessidades nutricionais de adultos dificilmente são atingidas no dia a dia. O estresse, a falta de tempo em alimentar-se com qualidade e a ansiedade favorecem um aumento no volume alimentar, sem valorizar bons nutrientes. Associado a isso, muitos ainda, são sedentários, isso afeta, principalmente as relações.


Todos sabemos que o estresse excessivo não faz bem, ele pode afetar nossa mente e corpo e com o sistema imunológico prejudicado ficamos propensos a doenças.

Mas como o esgotamento físico e mental pode afetar nossas relações?

Durante um período de estresse, o corpo faz uma adaptação para que todas as principais funções do organismo não se prejudiquem, entretanto, funções que não são prioridades, como desejo e relações sexuais são diminuídas. O estresse produz cortisol, um hormônio que relacionado a outros fatores pode diminuir a libido.

O que fazer para evitar esgotamento físico?

  1. O primeiro passo é identificar a causa do estresse e esgotamento. Se necessário até procurar ajuda com um especialista.
  2. Reservar um dia para relaxar, praticar atividades físicas, meditar e aprender técnicas de respiração podem ser hábitos valiosos para diminuir o estresse e aprender a controlá-lo.
  3. Para evitar o esgotamento físico e mental é necessário ter uma rotina equilibrada para que seu corpo não sofra as consequências.
  4. Ter um cardápio balanceado faz toda a diferença, isso porque, alguns alimentos são fontes de nutrientes que auxiliam nas funções cerebrais obtendo melhoria em concentração, raciocínio e memória, além de auxiliar o corpo a ter mais energia. O ideal é consumir fontes de vitaminas e minerais como carnes magras, legumes, vegetais e frutas, para que seu corpo tenha o aporte necessário desses nutrientes.
  5. Fazer uma pequena no pausa no trabalho também é importante e necessária, cinco a dez minutos por dia são suficientes para auxiliar a respirar melhor, refletir e caminhar um pouco para aliviar as tensões. Isso se faz necessário pois os estudos comprovam que o maior estresse gerado no corpo é provindo do trabalho.


Atualmente existem suplementos alimentares disponíveis no mercado com alguns princípios ativos que podem ajudar neste equilíbrio. São fontes de nutrientes específicos que auxiliam no aumento de energia, vitalidade e disposição, para aliviar o cansaço e diminuir o estresse.

Esses suplementos agem principalmente no aumento de libido, assim você estará preparado para estabelecer novas relações, melhorar a sua vida emocional e sexual.

Quer saber mais como o efeito de polivitaminicos auxiliar no aumento do libido?

Conheça o Rainbow e melhore o seu prazer!